O Programa Minha Casa, Minha Vida é um belíssimo programa. O ruim dele é a burocracia dos agentes financeiros e as triangulações pelos Ministérios em Brasília.  

Até que correr atrás, não foi tão difícil como é agora entregar a casa pronta para quem precisa. Governo que é bom, por aqui, é aquele que põe dificuldade em tudo. Constrói a casa, demora e demora, justamente, convidando a turma dos espertos para invadi-las. 

Os construtores ficam aflitos para entregarem logo, saírem dos conjuntos habitacionais, mas, os bancos ficam brincando de esconde-esconde, as regras do Ministério das Cidades, que muda gente todo dia, ninguém sabe quem criou tanta dificuldade, inventando fantasmas, criando obstáculos sem fim, parece que tem medo, porque os órgãos de controle metem medo mesmo e o tempo  vai passando, as casas invadidas, e tudo embola, igual ao cachorrinho correndo atrás do rabo. Muito bonito. Engraçado. 

Enquanto a creche não saiu. A escola até hoje não se sabe de quem é a competência para construir. Sendo que lá bem atrás, no início de tudo, evidentemente, a própria construtora é que deveria fazer tudo. Eu mesmo já decidi, que não irei fazer escola nenhuma mais. Optei pelo transporte dos meninos e levá-los para rede escolar existente ou até mesmo comprar vagas na rede privada.

Nunca vi, gente amar a dificuldade e jogar na lata do lixo o que é claro e evidente. Além do estranho prazer de pôr dificuldade nas coisas simples .  

COMPARTILHAR