Agenda em Brasília (quinta-feira, 14 de março de 2019)

Compartilhe:

No pronunciamento de hoje eu foquei na violência escolar, na fragilidade das escolas de hoje em dia. Falei do entorno violento, da selvageria dos alunos, das brigas internas e externas de alunos. Do uso indevido da internet, dos games e jogos que induzem a violência. Tudo isso tem contribuído para uma certa desmoralização, uma perda de autoridade, do simbolismo das escolas, que são muito importantes. Das referências escolares. Por causa dessa violência, e o que aconteceu em Suzano eu  chamei o Senado para uma rebeldia, para uma insurreição em benefício da educação de qualidade no Brasil. Para começar logo para valer esse negócio, e não ficar esperando muito do governo. Não podemos  ficar nesse marca-passo eterno,  passa 20 anos, 30 anos e nós vamos só piorando.

Recebi no meu gabinete o Cleto Muniz Brito, do Incra. Ele foi o primeiro diretor do Incra da Amazônia. Ele é um homem de carreira com 38 anos de serviço ativo. Tem uma experiência incrível. É o atual diretor de regularização de terras em Brasília, diretor nacional. Para nós é uma honra imensa, e ele veio aqui conversar. Nós vamos regularizar áreas conflituosas há mais de 20 anos no Estado. Com o Brito aqui, nós teremos uma oportunidade muito grande de ver regularizado áreas de conflitos agrários. A distribuição de documentos aumenta a riqueza do Estado e diminui a violência no campo. Isso é muito importante.

 

Fotos: Agência Senado/assessoria.

Compartilhe: