Ciência e tecnologia – vamos começar?

Compartilhe:

O cientista é antes de tudo um teimoso. Ele fica anos pesquisando, envelhece, morre e muitas vezes não alcança o sucesso. Veja o quanto se tem  gastado para produzir as vacinas contra as inúmeras endemias que acometem a população, como a malária, a aids e tantas outras doenças. É uma busca incessante. O mundo da pesquisa tem queimado muita pestana para solucionar problemas que afetam os seres vivos.

O cientista é um benfeitor da humanidade. Veja os benefícios  da vacina contra a paralisia infantil – simplesmente fantásticos! E salve! salve! Sabin pelo seu invento milagroso. A gota salvadora. E agora, eu fico aqui imaginando, como se pode despertar nas crianças o interesse pela ciência e pela pesquisa?

Eu entendo que uma das maneiras de estimular  o interesse pelo conhecimento e desenvolvimento científico das nossas crianças e jovens  é implantando laboratórios nas escolas e capacitando os  professores. Naturalmente milhares de crianças brasileiras despertarão para o admirável mundo da curiosidade, da invenção, por meio das aulas de iniciação e práticas científicas. Aulas alegres, crianças envolvidas como nas histórias de fadas, de estrelas e de luares.

Compartilhe: