Caminhos

Caminhos

Sei que há infinitos caminhos onde possa colocar sentimentos nos trilhos, mas não sei e nem faço ideia qual seja o destino final para cada um deles… Nos mais incontáveis cafés que alguém possa tomar soam histórias, por vezes muito boas, por vezes muito tristes. Tem sempre um caminho para qualquer lugar com uma pequena seta pro lado oposto, o contraditório na afirmação, alguém que diga pra ignorar as setas e seguir pois todo caminho leva a algum lugar qualquer e mesmo assim, há uma seta pro lado oposto! Porém, ainda não faço ideia qual seja o destino final dos sentimentos que porei nos trilhos!
Thay?

Poesia de Thayná Sales.

Deixar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *